EEFFTO - UFMG   



Fisioterapia

Breve Histórico 

O Curso de Fisioterapia foi criado em 1977 pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e extensão, está vinculado à Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional e é ofertado pela UFMG desde 1979. Atualmente, o curso está sendo reformulado, com previsão de alterações curriculares. 

Objetivo

Formar um profissional generalista, com sólido conhecimento nos princípios básicos da profissão, apto à atuar nos diversos níveis de atenção ao indivíduo e à comunidade (promoção e proteção da saúde, tratamento e reabilitação), com vistas à melhoria da qualidade de vida. 

Estrutura Curricular 

O curso está baseado na integração teoria-prática, desde o primeiro período do curso, que tem duração de cinco anos. A formação básica visa o conhecimento anatômico e fisiológico do corpo humano, e é ofertado no ICB (Instituto de Ciências Biológicas) assim como os outros cursos da área de saúde ofertados pela UFMG. A formação específica inicia-se com o estudo da fundamentação histórica, científica e metodológica da Fisioterapia, para depois introduzir disciplinas que abordam técnicas terapêuticas, considerando movimento e recursos físicos como objetivos básicos do estudo. A seguir, evolui para o conhecimento de diferentes patologias que determinam disfunções passíveis de abordagem fisioterápica. São oferecidas ainda disciplinas de formação humanística, administrativa e de iniciação a pesquisa. 

Estágio Curricular 

Nos três últimos períodos o aluno participa de estágios curriculares supervisionados pelos professores, nos ambulatórios de atendimento fisioterápico, nas unidades de internação hospitalar e nas unidades básicas de saúde. Estas atividades são desenvolvidas no Complexo do Hospital das Clínicas da UFMG, no Hospital Odilon Behrens da PBH e em alguns Centros de Saúde da Região Metropolitana de Belo Horizonte. 

Extensão e Pesquisa

Os alunos dispõem de boas oportunidades para participar em Projetos de Extensão comunitária e também de maneira crescente em Projetos de Pesquisa. 

Campo de Atuação do Profissional

Abrange centros comunitários de reabilitação e de saúde, clínicas, clubes esportivos, hospitais e estabelecimentos de ensino superior. A partir do diagnóstico clínico e da indicação fisioterápica, o fisioterapeuta avalia, prescreve, planeja e aplica o tratamento, estabelecendo suas etapas, métodos-técnicas e recursos terapêuticos apropriados a cada caso específico. 

Áreas de atuação 

Com o avanço científico e tecnológico, novas áreas de atuação estão surgindo. Podemos citar as áreas de ortopedia, neurologia, cardiologia, pneumologia, geriatria e saúde pública, dentre outras.