EEFFTO - UFMG   

PT ENG ESP




Terapia Ocupacional

A profissão Terapia Ocupacional objetiva favorecer o desempenho de pessoas com necessidades sociais e de saúde em seu cotidiano, seja nas atividades de vida diária, educação, no trabalho, no lazer e/ou na cultura. 

O curso de graduação em Terapia Ocupacional foi criado na Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional da UFMG em 1979. O perfil de formação do terapeuta ocupacional esta centrado no estudo da relação da pessoa com as suas ocupações em diferentes contextos. O currículo proposto para formação apresenta inovações pedagógicas necessários para propiciar uma sólida formação do terapeuta ocupacional. Novos conteúdos e vivências vem sendo trabalhados a partir de um conjunto diversificado de metodologias que permitem o alcance destes propósitos. 

O eixo de formação vigente do curso aborda cinco grandes temáticas inter-relacionadas ao longo da formação profissional: Níveis de atenção à saúde; Cotidiano/Qualidade de vida/participação social; Desempenho de papéis e funções: atividades de vida diária, trabalho/atividades produtivas, lazer e brincar; Desenvolvimento humano; Impacto das incapacidades e deficiências no cotidiano das pessoas. A adoção destas temáticas, como elementos centrais da formação do terapeuta ocupacional, propicia maior visibilidade à atuação do profissional, tornando mais claro o perfil do profissional que será formado. 

Por meio de uma formação generalista pressupõe-se que o estudante estará apto a perceber e atuar na inter-relação de fenômenos múltiplos envolvidos no processo de saúde-doença, bem como atuar nas grandes áreas de atuação da Terapia Ocupacional atendendo às demandas populacionais nos setores da Saúde, da Assistência Social, do Trabalho, da Previdência Social, da Educação e da Cultura.